sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Não há limites para o ridículo...

Li no Público, que a Ryanair pondera seriamente começar a cobrar as idas dos passageiros à casa-de-banho. Estão a pensar instalar umas ranhuras para os passageiros inserirem uma moeda (uma libra), de forma a poderem utilizar as instalações sanitárias.
Também ponderam fechar todos os balcões de check-in e manter apenas o serviço de check-in online.
O que se seguirá? Lugares de pé nos aviões?

3 comentários:

Alfredo F. disse...

O próximo passo é pilotagem por controlo remoto...

Gualdino disse...

E acredite que mesmo assim as pessoas não vão deixar de voar na Ryanair!

E mais do que uma forma de ganhar mais dinheiro, esta é uma boa medida de segurança!

E para nós (comissários de bordo da Ryanair) facilita-nos muito o trabalho!

sem-se-ver disse...

ahahaah! pois, só falta isso mesmo!!